Arquivo

Archive for the ‘enriquecimento ambiental’ Category

TED – Depressão e transtorno obsessivo compulsivo nos animais e o que ele pode ensinar

21 de agosto de 2014 1 comentário

Dra Laurel Braitman fala neste vídeo sobre diversos transtornos de comportamento e sobre o que pode nos ensinar. Ela discute diversos problemas envolvendo de cães a animais silvestres, que como sabemos são muito acometidos por diversos problemas mentais dificilmente explicáveis e diagnosticados sempre quando estão em um estágio avançado.

Não posso falar mais sobre o assunto, ASSISTA e leia o livro!

Vale tb dar uma visitada no site http://animalmadness.com/

 

Anúncios

Bicho Sem Preguiça – Cão que puxa durante o passeio

19 de julho de 2012 Deixe um comentário

Neste novo vídeo da série “Bicho Sem Preguiça” realizado pela empresa homonima, http://www.bichosempreguica.com.br, a veterinária Alessandra Caprara e a adestradora Ana Hanashiro discorrem com mto humor sobre como o proprietário deve lidar com o cão que puxa durante o passeio.

Esta série, que mescla humor e adestramento, é publicada no youtube toda quarta feira.

Confira a dica!

2o CBEA – Robbyn Ingle-Möller – Relações interpessoais e o enriquecimento ambiental

11 de fevereiro de 2011 Deixe um comentário

Voltando após um longo hiato! E comemorando tambem o novo canal no Youtube, o http://www.youtube.com/videosveterinarios . No canal antigo ainda estão os videos, não serão retirados, mas estou postando outros projetos pessoas por la.

Aqui estão 15 minutos da palestra da Robynn Ingle-Möller, de Pretoria, na Africa do sul. Ela discorre sobre as relações interpessoais dentro do zoológico. Eu sou um tanto suspeito pra falar, pq ela comenta sobre erros que MUITOS repetem diariamente, especialmente esquecer que todos somos seres vivos e que merecemos respeito acima de tudo, sendo que apenas assim conseguimos uma equipe produtiva.

A palestra está em inglês e legendada em portguês (pt-br).

2o CBEA – Enriquecimento ambiental para peixes

9 de novembro de 2010 Deixe um comentário

Este pequeno clipe foi realizado nas dependências do Aquário de São Paulo durante a abertura da segunda Conferência Brasileira de Enriquecimento Ambiental.

Durante o jantar de abertura, os aquários e ambientes estavam exemplificando diversos enriquecimentos, com o uso de materiais simples e atóxicos. Neste momento, realizamos um vídeo para mostrar concretamente como funciona e que resultados pode se conseguir com o enriquecimento ambiental.

Dentre os vários items, podemos destacar:

– o uso de móbiles de diversas características, desde pedaços de plástico, como canucinhos ou fitas, que simulam plantas e constituem locais de refúgio;
– os espelhos, que aumentam a sensação de quantidade de animais no ambiente, que age em peixes agressivos de cardume, por exemplo, como um atenuador da agressividade, onde o dominante divide sua atenção com um maior número de espécimes;
-a dificultação ao acesso a alimentos. Diversos trabalhos demonstram que os animais em condição de cativeiro, preferem obter seu alimento via trabalho, ao inves de simplesmente coleta-los.

Outro ponto de enriquecimento importante que vale ser ressaltado, mas não executado nos aquário, é o uso dos chamados dither-fishes. São espécies diferentes de peixes que visam tornar o ambiente mais adequado, seja por estimular espécies mais tímidas, ou por dividir a atenção de peixes dominantes sob seus subordinados.

2o CBEA – Dra Cristiane Pizzutto – Enriquecimento Ambiental para Animais Aquáticos

4 de novembro de 2010 Deixe um comentário

A Dra Cristiane Pizzutto, pos doutoranda do departamento de Reprodução Animal (VRA) da FMVZ-USP, fala nesta palestra apresentada na segunda Conferência Brasileira de Enriquecimento Ambiental (CBEA), sobre questões básicas de enriquecimento ambiental ligado a animais aquáticos, de peixes a pinipedes.

Nesta Introdução, ela se foca em peixes.
Vale visitar o site da SHAPE, a maior fonte de informação do assunto – http://www.enrichment.org

2o CBEA – Enriquecimento Ambiental de Animais de Laboratório

30 de outubro de 2010 Deixe um comentário

Na segunda Conferência de Enriquecimento Ambiental (CBEA), com a palestra “Animais de Laboratório: nós também queremos ser enriquecidos!”, a bióloga Vera Lúcia Lângaro Amaral, da Universidade do vale do Itajaí-UNIVALI/SC, que atua no biotério, nos fala sobre a importância do enriquecimento ambiental em animais utilizados em experimentos, mantendo assim a sanidade mental dos animais.

Vale ressaltar que classifiquei também na categoria de “animais silvestres” porque todo zoológico possui um biotério com finalidade de alimentação, e enriquecer este ambiente pode levar a um “produto” menos gorduroso, por exemplo.

Vale visitar o site do SHAPE, que é certamente o maior centro de informações do assunto na web.